Serva de Deus Madre Tereza Margarida Nossa Mãe

Rua Amazonas 40, Bairro Santa Inês - Três Pontas, MG

(35) 3265-1041

Notícias › 14/04/2021

Chile. Princípios e valores da Doutrina Social da Igreja em vista da nova Constituição

A Conferência Episcopal do Chile (CEC) publicou um documento contendo os principais ensinamentos do Magistério da Igreja católica sobre questões sociais, em vista das eleições dos delegados que deverão elaborar o texto da nova Constituição, previstas para o próximo mês de maio.

O texto visa propor alguns elementos de discernimento, que serão úteis tanto para aqueles que pretendem representar o povo chileno na elaboração da nova Constituição, quanto para os cidadãos que os elegerão, bem como para todas as pessoas de boa vontade.

Princípios e valores do Ensinamento social da Igreja

A nota da Conferência episcopal enfatiza que através do documento “Princípios e valores do Ensinamento social da Igreja”, publicado no site www.iglesia.cl/participacionciudadana, a Igreja pretende propor “o tesouro de sabedoria e humanidade que recebeu de Jesus Cristo, e o oferece aos crentes e não-crentes, na convicção de que estes ensinamentos iluminam os problemas sociais à luz de Deus”, lê-se na apresentação do texto.

“Existem de fato alguns princípios comuns e imutáveis que unem todas as culturas, que são independentes de consenso e que a Igreja procura ensinar com seu Magistério. Por este motivo, ela espera que estas páginas sejam uma contribuição para o diálogo constituinte necessário na busca do bem comum.”

Encíclicas sociais dos Papas e Magistério local

O documento reúne os principais ensinamentos da Doutrina Social da Igreja (DSI), contidos sobretudo nas encíclicas sociais, desde a Rerum Novarum de Leão XIII, até os Papas do Séc. XX, para chegar à “Fratelli tutti” do Papa Francisco de 2020.

Acrescentam-se a estas outras intervenções do Magistério em nível local. Também merece menção especial o Compêndio da Doutrina Social da Igreja, do Pontifício Conselho da Justiça e Paz, publicado em 2004. Todo este material foi organizado de acordo com “princípios” e “valores”. O texto também fornece ampla referência bibliográfica para um exame mais aprofundado dos vários tópicos.

A iniciativa faz parte do processo de elaboração de uma nova Constituição para o país, após o resultado do plebiscito de 25 de outubro de 2020, celebrado no ápice de um longo período de crise que o Chile vem atravessando em todos os campos – político, econômico, social e religioso – desde outubro de 2019.

(Fides)

Fonte: VaticanNews

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X